Sexta-feira, 18 de Dezembro de 2009

O CICLISTA - A MINHA PRIMEIRA PRENDA DE NATAL

 

    A minha primeira prenda de natal, decerto foi igual a de muitos meninos da minha geração.
 
   Quando a II guerra mundial acabou, tinha 11 meses de idade. Ainda me lembro alguns anos depois, devido à fome que grassava no país, ser colocado pela minha avó materna, pelas 6,00 horas da manhã, na fila que já se formava, para abertura da loja do Francisco Henriques, junto à torre da Igreja Matriz. Na mão tinha uma lata para a compra de petróleo. A minha avó entregou-me à vigilância de uma senhora conhecida e, lhe entregou uma senha de racionamento, que tinha sido distribuída a meus pais, na junta de freguesia de Salvaterra de Magos. Outras crianças entre homens e mulheres, faziam a fila crescer.
 A minha família, todos eles trabalhadores agrícolas, tinham de se deslocar a pé pela madrugada fora até ao local de trabalho e, estar lá quando o sol nascesse.  Que penura de vida!!
 
Morava eu, onde nasci, na rua Heróis de Chaves, na casa onde anos depois foi a “Central das Carreiras”.  Um belo dia ouvi a meus pais, estamos perto do Natal, o que vai ser o Menino Jesus da criança. Numa noite, vi meu pai ajudando minha mãe na confecção da massa dos “velhoses”, tapando o alguidar com um cobertor. Na noite seguinte, o cheiro a fritos, fez-me levantar da cama e, andar por ali perto, a curiosidade era imensa. Numa frigideira de azeite, pequenas bolas de massa, eram fritas.
 
Já não aguentava o sono. A tarefa de meus pais, também estava pronta. Minha mãe, diz-me – Ó Zé, vai buscar o teu sapato do lado direito, e coloca-o em cima do fogareiro,  ( fogão a petróleo),  pois o Pai Natal vem cá esta noite e desce pela chaminé. Vem cá trazer-te uma prenda. Ao cair na cama estava cheio de pensamentos gloriosos, ia ter uma prenda. O pai Natal tinha-se lembrado de mim.
 
Pela manhã, meu pai veio acordar-me e levou-me até à chaminé.   Lá estava um grande embrulho, abriu-o de sofreguidão e, lá estava um ciclista de madeira.  Era o meu primeiro brinquedo. Um ciclista de madeira, com as pernas presas às rodas, como se tivesse pedais, em cima de uma roda grande e um cabo.  Antes de o mostar aos meus amigos, sei lá quantas vezes o ciclista atravessou a rua, de e para um pequeno espaço de terra (onde hoje, está uma Pastelaria).
Passei a empurrar o meu ciclista e vê-lo andar numa “doideira” que só eu compreendia.
 
Muito tempo depois, já quando andava na escola, as minhas prendas do Pai Natal, eram um par de meias. Era uma alegria !
 
Sabendo agora, que são as crianças que escolhem as prendas e, há Pai Natal por tudo quanto é sitio, que pena tenha de não encontrar “a minha bicicleta de madeira” para mostrar aos meus netos.
 
JOSÉ GAMEIRO
publicado por historiadesalvaterra às 19:51
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre o autor

.pesquisar

 

.links

.arquivos

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Abril 2016

. Setembro 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Março 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Outubro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Dezembro 2010

. Outubro 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Abril 2008

. Dezembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

.tags

. todas as tags

.Fevereiro 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
21
22
23
24
25

26
27
28


.VISITANTES

blogs SAPO

.subscrever feeds